Eu quero falar com alguém

Eu quero falar com alguém

Eu queria discar o número de alguém.

Eu queria ouvir a voz de alguém.

Eu queria conversar com alguém.

Sinto que já falei tudo para todo mundo.

Enchi suas mentes com os mesmos problemas de sempre.

Sinto que tenho muita coisa para falar, mas não consigo dizer nada além do mesmo, nada além de nada.

Então, eu me calo.

Tenho a impressão de que por mais eu converse com as pessoas, elas nunca entenderão de verdade, mesmo que digam que “está tudo bem te ouvir ou sempre pode contar comigo”, no final, acabo por ter a sensação de que ninguém realmente me escuta,

às 4 da manhã, quando mais preciso.

Ao mesmo tempo, me parece egoísta.

O quão horrível é desejar que alguém fique acordado até essa hora só para me ouvir?

O quão egocêntrico isso soa?

Provavelmente muito.

No fundo, talvez eu só me sinta sozinha e a solidão é algo com a qual eu me acostumei, mas não significa que eu goste.

Constantemente, eu afasto as pessoas por não me achar boa o suficiente, mas também por me dar conta que no pôr do sol de todo dia, estamos todos sozinhos.

E eu não tenho ninguém para ligar.

Alguém que diga “eu também”.

Compartilhe!
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Tumblr
Comments are closed.